Você Está Reformado e Renovado?

Ben Gardner

Hoje em dia se nota muito comentário acerca das igrejas !reformadas? e das igrejas !renovadas?. Parece que a cada momento apareçe uma ou outra congregação preocupada somente em se mostrar reformada ou renovada. Muitas vezes, estas igrejas querem provar-se descendentes espirituais do Dia de Pentecostes, como no caso das renovadas, ou, como no caso das reformadas, herdeiros de um ou outro reformador, tal como João Calvino, Martinho Lutero ou Ulrich Zwingli, famosos reformadores da Igreja Catolica na Europa nos anos 1500.

As igrejas renovadas e reformadas quase sempre são caracterizadas pela ênfase que dão à ortodóxia, como no caso das igrejas Presbiterianas e Batistas reformadas, ou ao avivamento espiritual, o falar em línguas e vários outros aspectos carismáticos, como no caso das igrejas renovadas.

Procuro por meio deste analizar por uma lente bíblica os títulos: !reformada? e !renovada?. Por meio deste estudo quero ver qual deve ser a reação do povo de Deus perante o uso indiscriminado destes titulos.

Primeiro, o que diz a Bíblia acerca da renovação?

Um versículo bastante usado pelos carismáticos e os que pregam a necessidade da renovação é Romanos 12:2:

?E não vos conformeis a este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus?.

A !renovação? da mente carnal através de métodos humanos, e uma ignorância extrema que afirma que o Dia de Pentecoste deve ser repetida semanalmente, e, em alguns casos, diariamente, têm levado muitos dos nossos irmãos em Cristo a practicar besteiras religiosas. Parece nem os sacerdotes de Baal em 1 Reis 18: eles pulam, gritam e se envergonhem na presença de seus familiares e amigos, crendo que a gritaria e uma samba espiritual poderia agradar a Deus.

A verdade bíblica contradiz estes hábitos carnais e ignorantes. Devemos renovar as nossas mentes, sim, mas isto não ocorre através da gritaria e no falar em línguas estranhas, nem mesmo em desejar a trazer de volta o Dia de Pentecoste. A Bíblia dita que devemos nos renovar deixando de lado o mundo e a sua influência corrompidora.

Como disse Cristo em João 18:36:

?Respondeu Jesus: O meu reino não é deste mundo; se o meu reino fosse deste mundo, pelejariam os meus servos, para que eu na o fosse entregue aos judeus; entretanto o meu reino não é daqui?.

Se o reino de Deus não é deste mundo, qualquer método ou filosofía que garanta a trazer o mundo à igreja, ou exibir manias mundanas na adoração, está em plena contradição da Palavra de Deus. As igrejas renovadas, por mais sinceras que sejam, operam diariamente em erro, pois acreditam que o falar em línguas estranhas e a recriação do Dia de Pentecoste são evidências da salvação e, portanto, necessárias para a vida cristã vitoriosa. Melhor seria se deixassem de lado os métodos e filosofias humanas e procurassem atender aos ensinamentos Bíblicos, pois na Bíblia - e não no pular ou linguajar - temos o testemunho de Cristo. João 5:39:

?Examinais as Escrituras, porque julgais ter nelas a vida eterna; e são elas que dão testemunho de mim;?

Quer ser renovada? Quer mesmo ser feito novo? Quer deixar de lado o pecado? Se for este o seu desejo, saiba que a conformidade com a Bíblia requer uma submissão completa à vontade Divina. Tal vontade conhece somente através da Bíblia. A renovação verdadeira acontece quando a velha natureza for crucificada em submissão a Cristo. Romanos 6:6:

?sabendo isto, que o nosso homem velho foi crucificado com ele, para que o corpo do pecado fosse desfeito, a fim de não servirmos mais ao pecado?.

E as igrejas reformadas? O que diz a Bíblia acerca destes?

Embora têm algumas igrejas erram por colocarem muita ênfase nos escritos dos reformadores e elevarem Calvino e Lútero à posição de um semi-deus, o conceito de ser !reformação?, por si mesmo, não é anti-Bíblico. Afinal, em Levítico 26:23, 24 vemos:

?Se nem ainda com isto quiserdes voltar a mim, mas continuardes a andar contrariamente para comigo, eu também andarei contrariamente para convosco; e eu, eu mesmo, vos ferirei sete vezes mais, por causa dos vossos pecados."

A palavra hebraica traduzida !voltar a mim? poderia ser traduzida propriamente como !reformar? ou !voltar atrás?.

Hoje em dia alguns pensam que a igreja começou na época de Calvino, Lutéro e Zwingli. Algumas das igrejas que hoje trazem o nome de !reformada? colocam demasiado ênfase nestes Reformadores. Essas igrejas proclamam e pregam as palavras destes homens e colocam a prática da ortodoxia ritualística acima da própria Palavra de Deus.

É claro que certas pessoas sempre irão abusar um ou outro ensinamento Bíblico. Mas não por isso devemos rejeitar o princípio de ser reformada biblicamente.

Sabemos que a igreja que Jesus Cristo instituiu começou muito antes de João Calvino e seus compatriotas espirituais. Os próprios Reformadores reconhecerem isto, pois pregam o conceito da igreja reformata et sempre reformanda: reformada e sempre reformando. Analisando Levítico 26.23 e 24, eles estavam convictos da necessidade da igreja estar sempre !voltando atrás? para ver se estava andando em conformidade com os princípios da Palavra de Deus.

É interessante notar que este desejo, de estar sempre se examinando para verificar se a prática era coerente com os princípios Bíblicos, deu origem ao princípio de sola scriptura e ao princípio regulador na adoração. Sola scriptura é a convicção de que a Bíblia é a única fonte de doutrina e é o único fundamento no qual baseamos a nossa prática. O princípio regulador ensina que somente podemos adorar a Deus corretamente na maneira que Ele instituiu e prescreveu na Palavra de Deus, e isso, sem adição de qualquer princípio humano.

Embora Atos 5:29 e Galatas 1:8 já haviam demonstrados estes princípios desde o primeiro século, devemos ser gratos pelos Reformadores Calvino, Lutéro e Zwingli por escreverem livros fortalecendo tais conceitos e interpretando, de forma lógica, estes princípios Bíblicos. Porém, qualquer tentativa de reverenciar os próprios Reformadores, por mais sábios que fossem, deve ser rejeitada. Assim, muitas das igrejas auto-entituladas !reformadas? hoje em dia devem ser analisadas com cautela, assim como as igrejas !renovadas?.

Mesmo assim, eu creio que todo crente deve procurar ser renovado e reformado, biblicamente. Isso quer dizer que cada crente deve ser diariamente renovado, ou estimulado, a deixar toda a imundície da carne e a procurar a fazer melhor a vontade de Deus. Do mesmo modo ele deve buscar diariamente a ser reformado, conformado, à imagem de Cristo em tudo.

Assopram por todo lado os ventos de erro doutrinário (Efésios 4.14). É facilíssimo começar andar na verdade mas no fim terminar no erro (Gálatas 3.3). Temos que estar sempre relembrados a sermos submissos à obediência das doutrinas Bíblicas. É mister diariamente procurar a perceber qual seja a vontade de Deus. Nessa maneira deixaríamos de lado as intrusões e filosofias carnais.

E você, caro leitor? Você é renovado e reformado biblicamente diariamente? Se for, andarás em plena comunhão com Deus. Ou você si julga um sábio que não pode errar? Neste caso, Deus te julga um tolo, pois tu confias no seu próprio coração (Provérbios 28.26). Além de ser enganado nesta vida presente, não tem nenhuma esperança da graça de Deus, senão de ardente julgamento.

Setembro 2005
Autor: Ben Gardner
Fonte:www.obreiroaprovado.com