O Evangelho de João

Capítulo 2

Capítulo 2

Tema: O primeiro milagre de Jesus

Algumas igrejas ensinam que Cristo fez milagres enquanto ainda era criança, mas João 2:11 nos ensina que a água feita vinho foi o PRINCÍPIO dos sinais ou milagres. Lembra-se que João escreveu estes milagres para provar a divindade de Jesus (João 20:30-31), e para que todos possam crer nele e ser salvos. Nosso estudo deste primeiro milagre está dividido em três partes: (1) A verdade dispensativa, (2) A verdade doutrinal, e (3) A verdade prática.

I. A verdade dispensativa (a falha de Israel)

Israel não conheceu seu próprio Messias. “No meio de vós está um a quem vós não conheceis.” João 1:26. As bodas em Caná é um tipo da nação de Israel; o vinho acabou e o Messias ficou pronto a lhes ajudar. As seis talhas de pedra foram usadas para lavagem cerimonial. A nação de Israel estava sem alegria (vinho na Bíblia é tipo de alegria - Sal. 104:15 ; Juiz. 7:13) e sem esperança. A nação teve cerimônias externas mas não teve nada para se satisfazer por dentro.

Um dia no futuro, Cristo trará alegria a Israel quando Israel aceitar Cristo como Rei. Até chegar aquele dia Jesus tem que dizer a Israel, “Que tenho eu contigo?” João 2:4. Israel rejeitou Jesus e não aceitou-LO até aquele dia que Jesus voltará com grande poder e glória.

II. A verdade doutrinal (como um pecador está salvo)

Este primeiro milagre nos ensina que a salvação é pela Palavra de Deus. Note os símbolos:

1. A multidão com sede - É um retrato do mundo hoje em dia. O povo está gozando os prazeres do pecado mas não está achando satisfação nestes prazeres e logo vão acabar. A Bíblia convida pecadores com sede a Cristo para achar salvação e satisfação - João 4:13-14 ; 7:37 ; Isaías. 55:1 ; Apoc. 22:17.

2. Vasos vazios - É um retrato do coração do homem que é duro a vazio. A vida do pecador pode parecer muito boa por fora, mas por dentro Deus sabe que está vazia e sem esperança, porque falta ainda a vida eterna que vem só de Cristo.

3. Vasos cheios de água - Água, quando usada para purificação, é um tipo de Palavra de Deus. (Ef. 5:26 ; João 15:3). Os servos simplesmente encheram os vasos de água como o servo de Deus enche o incrédulo com a Palavra de Deus. É Deus que traz a mensagem desta tão grande salvação.

4. Água feita vinho - Depois de encher o coração do pecado com a palavra, Cristo pode fazer o milagre de salvação. Em Atos 8:26-40, Filipe encheu o eunuco com a Palavra, o eunuco creu, foi salvo, e saiu jubiloso.

5. O terceiro dia (vs. 1). - O terceiro dia sempre nos faz lembrar a ressurreição porque Cristo ressuscitou dos mortos no terceiro dia. Provavelmente este milagre aconteceu no domingo. João 1:19-28 é o primeiro dia, João 1:29-34 é o segundo dia, João 1:35-39 é o terceiro dia, João 1:40-42 é o quarto dia, André trouxe Pedro a Cristo no quinto dia em João 1:43-51, e as bodas foram 3 dias ou no oitavo dia. Isto nos faz pensar da ressurreição e duma nova criatura ( II Cor. 5:17).

6. O princípio dos milagres (v. 11). Salvação é o princípio dos milagres e depois de ser salvos Deus faz um milagre depois de outro na vida do crente. E os milagres que Deus faz sempre faz sempre trazem honra e glória ao Seu Filho.

III. As verdades práticas (como servir a Cristo)

As palavras de Maria em vr. 5 devem, também, ser um mandamento para todos os crentes - “Fazei tudo quanto Ele vos disser.”. Eu tenho certeza que os servos acharam loucura Jesus mandar eles encheram os vasos de água, mas Deus usa o que parece loucura para “confundir as sábias” (I Cor. 1:27). Se queremos ver a salvação dos homens temos que obedecer a Jesus e entregar-lhes a Palavra de Deus. Nada neste mundo pode salvar a alma do homem além da Palavra de Deus, que é a Bíblia.

Outros pensamentos:

1. Quando Jesus falou com Maria e usou a palavra “mulher”, Ele não mostrou falta de respeito, ao contrário, Ele mostrou respeito na linguagem do dia em que Ele vivia.

2. Nota a “hora” de Cristo no evangelho de João: 2:4 ; 7:30 ; 8:20 ; 12:23 ; 12:27 ; 16:32 ; e 17:01. Jesus viveu de acordo com a vontade de Deus e foi impossível para o mundo fazer algum mal para Cristo antes da sua “hora”.

3. O fato de Jesus fazer água em vinho não dá licença ao povo de Deus usar vinho como bebida comum. Tanto o Velho Testamento como o Novo Testamento, proíbe o uso de vinho como bebida comum. Os batistas ensinam abstinência total de bebidas alcóolicas.

 

Autor: Pr Eduardo Kittle
Digitalização: Daniela Cristina Caetano Pereira dos Santos - Março 2002
Fonte: www.palavraprudente.com.br