Cap 34 - Personagens Bíblicos - Novo Testamento

SIMÃO O MÁGICO

Atos 8:9-25

Versículo para memorização - Atos 8:21

Quando Felipe foi para a Samaria pregar a palavra, muitos foram salvos. Como de costume, Satanás prepara ciladas em meio as bênçãos de Deus. Isso nos revela um personagem controverso das Escrituras, Simão, o mágico. Antes de Felipe aparecer, Simão tinha grande reputação entre os samaritanos, mas conseguia isso através da bruxaria. Quando Felipe pregou, Simão acreditou, foi batizado e continuou com Felipe.

Quando Pedro e João vieram conceder o Espírito Santo às pessoas, Simão viu um poder sobrenatural, maior do que o que ele tinha sobre aquelas pessoas. Satanás tentou-o e ele ofereceu dinheiro em troca desse poder. Pedro negou e afirmou que seu coração não estava reto diante de Deus e o alertou sobre o perigo real de uma morte rápida, a qual Pedro consentiria.

Há muita especulação sobre a condição espiritual de Simão. Alguns dizem que foi salvo e que caiu da graça. Mas isso, segundo João 5:24 e 10:27-29 e várias outras passagens nas Escrituras, não pode ser verdade. Alguns acham que Simão somente professou acreditar em Cristo como Messias e não foi um verdadeiro cristão. Discordo disso também, porque a palavra creu, em Atos 8:13, é a mesma palavra grega usada em Atos 8:12, e em João, capítulo 3, etc, e a palavra significa ter fé.

Acredito que o caso de Simão é um alerta para pessoas salvas, como ocorreu com Ananias e Safira, em Atos, capítulo 5. Nada é dito que Simão estava perdido por causa de seu pecado aqui. Vamos observar o que se diz: !O teu dinheiro seja contigo para perdição." A palavra perdição não necessita significar nada mais que morte física; na Bíblia, significa tanto morte física como também morte espiritual (Atos 8:23). !Pois vejo que estás em fel de amargura, e em laço de iniqüidade." Pedro poderia ter dito menos coisas desagradáveis sobre o seu próprio estado na noite de sua negação? !Tu não tens parte nem sorte nesta palavra? (Não a salvação, mas o dom de conceder o Espírito Santo). Devemos notar também que, no verso 24, Simão mostra desejo pelo perdão de Deus. Acredito que se arrependeu em tempo de impedir o julgamento proclamado por Pedro, ao contrário de Ananias e Safira, no capítulo 5, que persistiram em seu pecado até a morte.

Perguntas ! SIMÃO O MÁGICO

 

1. Em que cidade Simão viveu?

2. Ele era muito conhecido nessa cidade?

3. As pessoas o tinham como um grande homem?

4. Que poder tinha sobre elas?

5. De que homem de Deus ele ouviu a pregação?

6. Qual foi o resultado?

7. Deu razão a Felipe para duvidar de sua sinceridade?

8. Quem chegou à cidade e afetou a sua vida?

9. Ele se interessou em qual ato que estavam fazendo?

10. Que proposta maligna Simão fez?

11. Pedro poderia ter concedido seu pedido?

12. Pedro foi bom com ele?

13. Qual foi a resposta de Pedro para Simão?

14. Pode um homem salvo perecer devido ao pecado?

15. Isso significa que tal homem vai para o inferno?

16. Pode um homem salvo ficar em fel de amargura e laço de iniqüidade?

17. O que Pedro aconselhou que Simão fizesse?

18. Pedro indicou que Deus certamente perdoaria e não julgaria?

19. Simão se arrependeu de sua iniqüidade?

20. Você acha que Deus o perdoou?

 

Autor: Pr Forrest Keener
Tradução: Albano Dalla Pria
Revisão: Joy Ellaina Gardner
Edição: Calvin Gardner
Fonte: www.palavraprudente.com.br