Cap 2 - Soberania de Deus

Deus é Soberano na Criação

Sermão 2

Data: 09/09/2001

Texto: Apocalipse 4:11

"Digno és, Senhor, de receber glória, e honra, e poder; porque tu criaste todas as coisas, e por tua vontade são e foram criadas." (Apocalipse 4:11).

I. DEUS É SOBERANO NA CRIAÇÃO DOS CÉUS

1. A glória do sol é diferente da glória da lua (1Co.15:41).

2. A glória das estrelas é diferente uma das outras (1Co.15:41).

3. Estrelas de primeira grandeza e outras de décima grandeza.

4. Eis a resposta: “...por tua vontade são e foram criadas”. (Ap.4:11).

II. DEUS É SOBERANO NA CRIAÇÃO DA TERRA

1. Dois terços da superfície da terra estão cobertos de água.

2. Outra parte do terço é imprópria para agricultura e para habitação.

3. Por que há tão vastas áreas pantanosas, desertos e campos de gelo?

4. Por que um país é topograficamente tão inferior a outros?

5. Por que um é fértil e outro quase estéril?

6. Por que um é rico em minérios, enquanto outro nada oferece?

7. Por que o clima de um país é ameno e saudável e o de outro não?

8. Por que um país tem rios e lagos em abundância e outro não?

9. Por que um país tem terremotos e outro não?

10. Eis a resposta: “...por tua vontade são e foram criadas”. (Ap.4:11).

III. DEUS É SOBERANO NA CRIAÇÃO DOS ANIMAIS

1. Por que o leão é diferente do cordeiro?

2. Por que há diferença entre o urso e o cabrito?

3. E entre o elefante e o ratinho?

4. Por que o cavalo e o cachorro são dotados de inteligência, e ovelhas e porcos, parecem tolos?

5. Alguns são destinados a serem animais de carga e outros não

6. A mula e o jumento estão destinados ao jugo, enquanto o leão tigre têm liberdade para percorrer livremente a floresta?

7. Alguns são destinados ao consumo humano, enquanto outros são tão belos, que servem apenas para a apreciação?

8. Por que alguns são tão feios?

9. Por que alguns são dotados de grande força física, enquanto outros parecem totalmente indefesos?

10. Alguns correm velozes; outros mal conseguem arrastar-se. É o contraste entre o coelho e a tartaruga.

11. Alguns têm utilidade; outros parecem não ter qualquer valor.

12. Alguns vivem durante anos; outros sobrevivem, no máximo, alguns meses.

13. Alguns são mansos; outros ferozes. Por que todas essas variações e diferenças?

14. Eis a resposta: “...por tua vontade são e foram criadas”. (Ap.4:11).

IV. DEUS É SOBERANO NA CRIAÇÃO DOS VEGETAIS

1. Por que as rosas têm espinhos e os lírios crescem sem os ter?

2. Por que uma flor emite aroma fragrante, e outra não possui odor nenhum?

3. Por que uma árvore tem frutos sadios e outra dá fruto venenoso?

4. Por que um vegetal suporta bem a geada, enquanto outro murcha?

5. Por que uma macieira se enche de frutos, enquanto outra, até mesmo da mesma espécie e idade e pomar, é quase estéril?

6. Por que uma planta floresce uma dúzia de vezes por ano, e outra o faz apenas uma vez em cada século?

7. Eis a resposta: “Tudo o que o SENHOR quis, fez, nos céus e na terra, nos mares e em todos os abismos. Faz subir os vapores das extremidades da terra; faz os relâmpagos para a chuva; tira os ventos dos seus tesouros”. (Sl.135:6,7).

V. DEUS É SOBERANO NA CRIAÇÃO DAS HOSTES ANGÉLICAS

1. Alguns anjos têm posição superior a outros.

2. Alguns são mais poderosos.

3. Alguns estão mais próximos de Deus do que outros.

4. A Escritura revela uma graduação angélica:

4.1. Arcanjos

4.2. Serafins

4.3. Querubins

4.5. Principados e Potestades (Ef.3:10)

4.6. Dominadores (Ef.6:12)

4.7. Anjos.

5. Por que alguns foram eleitos (1Tm.5:21) e outros não?

6. Eis a resposta: “Mas o nosso Deus está nos céus; fez tudo o que lhe agradou”. (Sl.115:3).

VI. DEUS É SOBERANO NA CRIAÇÃO DA FAMÍLIA

1. Por que há diferenças na família humana?

2. Por que alguns homens recebem cinco talentos e outros apenas um?

3. Por que um nasce robusto, e outro, até mesmo tendo o mesmo pai, nasce fraco e raquítico?

4. Por que Abel que era justo, foi ceiado na flor da idade, enquanto Caim teve permissão para viver muitos anos?

5. Por que alguns têm pele negra, enquanto outros nascem brancos?

6. Por que alguns nascem idiotas enquanto outros com grandes dotes intelectuais?

7. Por que alguns são egoístas e violentos e outros são meigos e cordatos?

8. Por que alguns têm qualidades para liderar enquanto outros têm capacidade apenas para seguir e servir?

9. A hereditariedade e o meio ambiente não conseguem explicar todas essas variedades e desigualdades. Não, pois é Deus quem faz uma coisa diferente da outra.

10. Por que Ele faz assim as pessoas? Eis a resposta: “Sim, ó Pai, porque assim te aprouve”. (Mt.11:26).

CONCLUSÃO

1. O Criador é absolutamente Soberano!

2. Deus cumpre seu beneplácito.

3. Deus nada considera senão sua própria glória: “O SENHOR fez todas as coisas para atender aos seus próprios desígnios, até o ímpio para o dia do mal”. (Pv.16:4).

4. Ele é Deus e tem o direito absoluto de agir como quer.

5. Quem ousaria desafiar sua vontade?

6. Murmurar contra Ele é rebeldia!

7. Questionar seus caminhos é contestar sua sabedoria.

8. Criticá-lo é cometer pecado gravíssimo.

9. Ter-nos-íamos esquecido de quem é Ele? Veja: “Todas as nações são como nada perante ele; ele as considera menos do que nada e como uma coisa vã. A quem, pois, fareis semelhante a Deus, ou com que o comparareis?”. (Is.40:17,18).

6. Nenhum homem pode impedir Deus:

Jó 23:13 - “Mas, se ele resolveu alguma coisa, quem então o desviará? O que a sua alma quiser, isso fará”.

Sl.33:11 - “O conselho do SENHOR permanece para sempre; os intentos do seu coração de geração em geração”.

Pv.21:30 - “Não há sabedoria, nem inteligência, nem conselho contra o SENHOR”.

Isaias 14:27 - “Porque o SENHOR dos Exércitos o determinou; quem o invalidará? E a sua mão está estendida; quem pois a fará voltar atrás?”

Isaias 46:9,10 - “ Lembrai-vos das coisas passadas desde a antiguidade; que eu sou Deus, e não há outro Deus, não há outro semelhante a mim. Que anuncio o fim desde o princípio, e desde a antiguidade as coisas que ainda não sucederam; que digo: O meu conselho será firme, e farei toda a minha vontade”.

7. O SENHOR ri da criatura humana (Sl.21:4).

IV. DEUS GOVERNA OS ANJOS BONS E MAUS

1. Deus comanda os anjos (1Cr.21:15,27).

2. Deus usou um anjo para libertar Pedro (At.12:11).

3. Deus usou um anjo para revelar coisas a João (Ap.22:6).

4. Jesus dará ordem aos anjos (Mt.13:41; 24:31).

5. Deus controla os anjos maus.

6. Enviou um anjo mau contra Abimeleque (Jz.9:23).

7. Enviou outro para confundir Acabe (1Rs.22:23).

8. Enviou um anjo mau para atormentar Saul (1Sm.16:4).

9. Satanás precisou pedir consentimento a Jesus para “peneirar” Pedro (Lc.22:31).

10. Jesus ordenou e o Diabo se retirou (Mt.4:11).

CONCLUSÃO

1. Deus é Soberano no Governo das coisas inanimadas.

2. Deus é Soberano no Governo das criaturas irracionais.

3. Deus é Soberano no Governo dos filhos dos homens.

4. Deus é Soberano no Governo dos anjos bons.

5. Deus é Soberano no Governo dos anjos maus.

O esboço deste sermão foi por mim elaborado e pregado na Igreja Batista da Esperança, em Cruzeiro, interior de São Paulo. Foram 12 sermões preparados e pregados, tendo como base o livro Deus é Soberano, de A. W. Pink da Editora Fiel. Apenas os títulos de cada sermão seguem à risca os títulos apresentados no livro, entretanto alguns sermões podem conter mais de um capítulo do livro. As proposições e as divisões do sermão foram acrescentadas por minha conta. O conteúdo das argumentações foram extraídas do livro de Pink, com acréscimos de argumentos teológicos de minha própria autoria, assim como muitas outras referências bíblicas, a fim de melhor adaptar o conteúdo do livro à forma de sermão.

 

Autor: Pastor Luiz Antonio Ferraz
Fonte: www.PalavraPrudente.com.br